QUESTÃO DE HUMANIDADE

Autor: Nenhum comentário Compartilhe:

QUESTÃO DE HUMANIDADE

Andávamos pela cidade na tarde de ontem, Dr. Fausto Fabrri e eu Ademir Feliciano, e fomos surpreendidos por uma munícipe muito aflita que nos abordou e relatou sua situação.

Débora Talita Rinaldi dos Santos, grávida, mãe de um filho de três anos, marido desempregado, e morando de favor na antiga instalação da COONAI, localizada na Rua Fernando Vicentinni, Nº 8 centro de Altinópolis.

Relatou a senhora Débora, que mora no local que foi cedido pela empresa COONAI, pelo menos um ano, porem, agora está vendo o local ser totalmente destelhado, pois o imóvel será demolido por conta de um loteamento da área.

 

Alega ainda a moradora, já ter feito contato com a prefeitura municipal, com a câmara municipal, mas que até aquele momento nada havia sido feito no intuito de ajudá-la, diz não querer dinheiro, pois está fazendo dois cômodos nos fundos da casa de sua mãe, mas ainda não está terminado, faltando cimento, canos, vermelhão, enfim, o acabamentinho para que possa residir junto com o marido, filho pequeno e o que está prestes a chegar.

 

Sensibilizados com a situação, DR. Fausto e eu fomos até o Múltiplo Uso e conversamos com a assistente social Gabriela, que muito gentilmente nos atendeu, e ali mesmo já começou a fazer ligações na intenção de sanar tal problema, Ligou para o Lar São Vicente de Paulo, ligou para o hospital, mas pelo adiantado da hora, não foi possível uma solução. Prontificou-se no dia de hoje a assistente social, a ligar para empresa COONAI e tentar um prazo maior para a retirada da família.

Dr. Fausto, sabendo que a igreja tem um imóvel vazio na cidade, procurou o padre Cardoso ainda na tarde noite de ontem, não o tendo encontrado retornou a ligação hoje pela manha e o padre muito solicitamente se propôs a ajudar. Pediu o padre ao nobre vereador Dr. Fausto, apenas o tempo de conversar com o conselho, ficando o vereador de retornar a ligação.

Nós do altiaqui, não sabemos de que forma podemos colaborar com a família da dona Débora, pensamos em fazer uma campanha para arrecadar o material que está faltando para a conclusão da obra em sua casinha, mas não sabemos como e nem se seria legal, temos certeza que a população de Altinópolis, tão acolhedora e solicita há de fazer seu papel e ajudar.

Apelamos aos donos de depósitos de material de construção, que se juntem nessa cruzadinha e de sua parcela de contribuição. Nós do altiaqui nos propomos a fazer propaganda gratuita por um determinado período àquele comerciante que se propuser a ajudar a família de dona Débora na conclusão de seu imóvel. Falta muito pouco e sei que vamos conseguir.

O endereço de dona Débora está no inicio da matéria, ou se preferirem, entrem em contato com o altiaqui.

Rua Coronel Honório Palma 350

Fone (16) 3665-4001

Ademir Feliciano

 

Artigo Anterior

Coluna de Irã de Almeida Feliciano

Próximo Artigo

PREFEITA DÁRCY VERA INAUGURA PRIMEIRA ETAPA DAS OBRAS CONTRA ENCHENTE

Confira também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *