Câmara Municipal de Altinópolis- Fiel a Nanão nem que para isso, se torne ridícula!

Autor: Nenhum comentário Compartilhe:

 

Início do exercício 2015 para o legislativo altinopolense, reiniciaram-se na noite de ontem, 03/02, as sessões plenárias na casa de Leis.

Retorno do vereador “Jô Dentista” (PPS) a seu posto após passagem meteórica pela Secretaria de Saúde. Aliás, falando em secretaria de saúde, o então secretário Jô, havia prometido, em rede nacional de televisão, abrir sindicância para apuração dos mais 700.000 atendimentos fraudulentos no Hospital de Misericórdia, ocorridos em fevereiro de 2013. Fez a sindicância Jô? Qual foi o resultado? Porque você não divulgou nada? Ou, será que não fez NADA?

Voltando a sessão plenária. Um único projeto de Lei em votação que tratava de alteração num dos artigos da Lei que instituiu o Conselho Municipal do Idoso em 2010. Lei alias que talvez, nem o idoso soubesse de sua existência. Muito estranho agora, alterar artigo. Não está cheirando nada bem.

No demais, a casa agora presidida por Carlão do Som (PSDB), não demorou e já na primeira sessão ordinária do ano, tornou a colocar em votação as contas já reprovadas de Nanão/ Ferreira; 2011.

“Mais uma vez, manteve-se a lógica. Por 7 votos a 4, sem que a situação obtivesse os dois terços necessários para derrubar a decisão do TCE, as contas que já estavam reprovadas, foram simplesmente, mantidas reprovadas”. Isso tudo, na fantasiosa crença maléfica dos vereadores de situação. Sim; senão vejamos:

As contas já foram votadas e mantidas reprovadas em sessão única conforme reza o regimento interno da casa. Não há que se falar mais em votação. O que estão fazendo os vereadores “nanistas e ferreiristas”, beira o ridículo. Essa “lenga-lenga” só deverá terminar, pós decisão judicial, e mais uma vez, pelo andar dos trabalhos e da insistência imbecil dos situacionistas, não haverá outra saída.

Não há no ordenamento jurídico, nada que justifique essa PALHAÇADA!

Transformarão o que deveria ser sessões de debates e deliberações em prol do povo, em “ferro frio” batido a exaustão na tentativa de ressuscitar os mortos políticos de suas espécies.

RIDÍCULO! Mas, mulher de malandro é assim, quanto mais apanha, mais gama!

Logo; as contas de 2012 estarão também em pauta para apreciação dos isentos vereadores. Já estão reprovadas por motivos ainda mais gritantes que as de 2011. Entra ano sai ano, entra presidente sai presidente, e as fichas dos vereadores de situação não cai. Até quando estes empregados do povo puxarão a carroça, ou, carregarão a liteira que conduz a indecência e a roubalheira do erário altinopolense?

Bem diz um grande amigo meu. “Gambá cheira Gambá”!

Tive a informação do volume empregado no “sim” na hora do voto do vereador Jô dentista. Chegou a ecoar. Mas pera lá… Não foi ele que deixou a secretaria de saúde por não suportar Nanão?

Vou ter que repetir a frase de meu amigo. “Gambá cheira Gambá”!

 

 

 

 

 

 

 

 

Ademir Feliciano.

 

Artigo Anterior

“Irmã procura por paradeiro de irmã”!

Próximo Artigo

Programação “Carnaval 2015” – Quebra tudo Altinópolis!

Confira também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *